21 April 2017

PRA VOCÊ FALAR BEM: TITIO MARCO ANTONIO



Nova turma iniciará dia 20 de maio!

Inscrições: cursos@cameracao.com


19 April 2017

DICAS DE ORATÓRIA PRA VOCÊ FALAR BEM-Ana Veet Maya

Dicas da Prof. Ana Veet Maya PRA VOCÊ FALAR BEM:

- A eficiência da comunicação está na NATURALIDADE

- Antes de começar a falar, ENRAIZE, firme a planta dos pés no chão,relaxe os seus ombros, endireite e alongue sua coluna,: mente quieta, espinha ereta e o coração tranqüilo.

Tenha FOCO. E para desenvolver o foco, MEDITE. A meditação começa com a respiração. Pratique.

- DESCUBRA no seu dia-a-dia uma atividade que o relaxe. Raiva, revoltas, sentimentos dissonantes contidos não promovem boa comunicação;

- Durma bem! Beba água! Alimente-se bem! Sentindo-se bem, SORRIA! SORRIA com o rosto, com o corpo e com a alma!  

QUEM SOU EU? Só fazendo essa viagem ao eu-profundo sem medo e com consciência, vamos descobrir nossas qualidades, limites, qual é nossa MARCA e promovê-la com sucesso (o nosso marketing pessoal)

- RESPIRE CONSCIENTE!!!! Quando respiramos com consciência, estimulamos nosso corpo, todas as células. Com a respiração, conseguimos alterar nosso humor, nosso pensamento, criar coragem. A respiração profunda e consciente leva mais oxigênio para todo corpo. Oxigena a mente e faz com que as idéias brotem COM FLUIDEZ!

DESAPEGUE-SE! Deixe o ONTEM PASSAR. Não se aflija pelo amanhã. Viva o AGORA.

Vida é ritmo. Saiba ter jogo de cintura e deixar seu corpo e sua mente fluírem em todos os ritmos. TODOS OS RITMOS ! Cada sentimento promove um ritmo. Aproveite cada momento e cada dança que a vida lhe proporcionar... Aprenda!

PARE DE JULGAR O TEMPO TODO! Lembre-se que a mente, mente. Procure conectar-se mais com seu coração. Aprenda a compartilhar.

Não se sinta mais que ninguém. Não se sinta menos. Seja equilibrado, suave, natural. Olhe para o outro de igual para igual.

Conheça suas couraças. Do que estamos nos protegendo tanto? Vamos mergulhar no eu, conhecer nossos medos e nos jogar nas oportunidades e praticar. A comunicação é exercício, PRÁTICA. Se não conseguirmos eliminar nossos medos, a consciência de que existem nos traz a coragem para enfrentá-los!

Não AFIRME seus limites. Eu sou fraco, eu sou burro, eu sou limitado, eu nunca farei isso ou aquilo. Lembre-se que tudo podemos quando queremos e SE QUISERMOS DE VERDADE. O que você quer? Descubra e pratique com perseverança.

Não tema o julgamento do outro. Não sinta medo de encarar sua platéia. Conheça muito bem o assunto e fale com naturalidade e segurança, observando os sinais. Quando a platéia demonstrar impaciência (através dos gestos que você já conhece) é hora para um relaxamento, uma respiração, um cafezinho...

AME O QUE JÁ TEM. Valorize sua caminhada! Goste-se assim mesmo, do jeitinho que já é. Respeite suas vivências. Você não chegou onde está por nada. Foi você que abriu suas portas. Conscientize-se disso e respeite e ame o ponto onde já está.

MODULE A SUA VOZ. Não fale sempre no mesmo tom. Isso se torna monótono e cansativo.

Não fale correndo. Respire entre uma frase e outra. Olhe para a platéia. E continue o assunto. Sempre com ritmo. Pontue!

NÃO SEJA PROLIXO! Treine. Aprenda a ser objetivo, falar com lógica, começo, meio e fim.

- Evite as GORDURAS DA FALA! Lipoaspiração nelas! Fora com os né,tipo assim,ã, hum,aaaa, eeeee, etc

APRENDA A OUVIR. Ouvir com atenção e com o coração. Quem não ouve, não fala bem.

- Saiba lidar com o IMPROVISO. Confie no seu taco, no seu CONHECIMENTO e cultura.

Não fale MENTIRAS. Falar a verdade faz a comunicação transparente e muito mais fácil e eficiente!

- A qualidade de ser cidadão do mundo é lidar bem e cada vez melhor com a DIVERSIDADE. Aceite, conviva, respeite as diferenças!

ARTICULE! Mexa toda a boca, mexa a arcada dentária. DESPRENDA SEU MAXILAR. Quanto mais você articular, mais será COMPREENDIDO.

CONHEÇA SEUS TRUNFOS e use-os a seu favor para vender melhor o seu peixe. Use caras e bocas. Você não pode falar algo triste, sorrindo... Nem falar sorrindo, algo que te fez sentir raiva. Não tenha medo de expressar sentimentos.

NÃO SE SINTA INFERIOR e nem PERTURBADO ao entrar em contato com seus limites. Se considerar algo como um limite, analise se DE FATO quer superá-lo. Somos todos únicos e plenos em nossa diversidade. Não precisamos todos falar bem. Não precisamos todos dirigir bem. Não precisamos todos ser cantores. Nem professores. Nem comunicadores. O mundo precisa de todos nós. Assim como nós já somos. ÚNICOS. Precisamos sim é ser felizes e plenos com o que somos. Se você escolher quebrar um limite, faça-o gradativamente, no seu ritmo e investindo sempre na consciência e na prática. E não se encabule em pedir ajuda!

O BOM TRABALHADOR não leva seus problemas pessoais para o trabalho. Ele consegue FOCAR e estar totalmente presente em cada situação, sem misturar. Lembre-se que uma laranja podre estraga todo o tacho!

Se quiser ser LÍDER, lembre-se que quem lidera deve ser sensível ao grupo assim como é sensível a si mesmo. O líder não fala eu, fala nós.

- O CORPO FALA!  Cuidado com seus gestos. Seja equilibrado. E olhe sempre nos olhos, portais da nossa alma. Quem não deve, não teme e não tem medo de se expor.


TITIO MARCO ANTONIO, ANA VEET MAYA juntos no PRA VOCÊ FALAR BEM

Titio Marco Antonio, locutor conhecido da KISS FM, voz do personagem Patrick do desenho BOB ESPONJA, ao lado da professora e terapeuta Ana Veet Maya, criou em 2003 o workshop de comunicação conhecido como PRA VOCÊ FALAR BEM. São já 14 anos de trabalho dessa dupla bacana, à serviço da boa comunicação!
Você pode ser empresário, estudante, vendedor, dona-de-casa, professor, músico, não importa a função, falar bem é sempre fundamental!
Para crescer no mercado profissional, se dar bem numa entrevista de emprego, obter sucesso na apresentação de projetos e idéias, é necessário ter argumentos, improvisar e envolver, transmitir para seu público toda credibilidade e emoção através da fala, de maneira prática e divertida!
Veja um vídeo do Marco dublando Patrick!


Veja a Professora Ana Veet Maya falando sobre o PRA VOCÊ FALAR BEM

PRA VOCÊ FALAR BEM nova turma em maio


Você pode ser empresário, estudante, vendedor, dona-de-casa, professor, músico, não importa a função, falar bem é sempre fundamental!
Para crescer no mercado profissional, se dar bem numa entrevista de emprego, obter sucesso na apresentação de projetos e idéias, é necessário ter argumentos, improvisar e envolver, transmitir para seu público toda credibilidade e emoção através da fala, de maneira prática e divertida!
PRA VOCÊ FALAR BEM, curso com enfoque na fala e na qualidade de vida, criado e ministrado pelo jornalista especialista em comunicação Marco Antônio Abreu e a arte-educadora Ana Veet Maya, treina profissionais desde 2003!
Entre em contato conosco!

Afinal, quem não se comunica...


18 April 2017

PARA SEBASTIÃO

Coloque mais uma pitada
da tua poesia
e um pouco do teu canto
de peito aberto.
Uma dose da tua crença no ser
aquecida pelo teu abraço sincero
e teu sorriso rasgado.
Uma xícara de amorosidade
e de amor incondicional.
Tempere com sonho
e obstinação.
Adoce com humildade
e aceitação total.
Eita café da manhã
Trembão sô!
(Para Sebastião - anaveetnaya)

17 April 2017

URBANO REIS, grande novelista e meu amigo querido

(Dedicado a meu amigo Urbano Reis, r.i.p.)
Quando era pequenininha,entre 1956 a 1966, ficava com minha vovó Anna e enquanto ela pespontava os sapatos que meu pai fazia, ela ouvia rádio. Ainda ninguém tinha TV... Eu ficava muito encantada com as novelas do URBANO REIS. Mal sabia eu que quando adentrasse o serviço público em fevereiro de 1976, serviço social da PMSP, eu iria ter a honra de conhecê-lo, tornar-me sua amiga e trabalhar ao seu lado. A VIDA É SURPREENDENTE. Aprendi e ri muito com Urbano!!!!
Descanse em paz meu querido amigo! Até um dia!

Urbano Reis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Urbano Reis (São Paulo31 de maio de 1921 - São Paulo, 31 de janeiro de 2010) foi um radialista e político brasileiro[1][2].
Urbano Reis começou sua carreira na Rádio Bandeirantes em 1939 como radialista e com o passar do tempo virou autor de programas (programa Teatro Urbano Reis) e novelas radiofônicas (novelas religiosas em geral). Trabalhou em várias rádios paulistas, como: Rádio Educadora PaulistaRádio ExcelsiorRádio CulturaRádio MulherRádio RecordRádio São Paulo[1].
Em 1952, junto com colegas importantes, fundou a ACRESP - Associação dos Cronistas Radiofônicos do Estado de São Paulo. Foi essa entidade que organizou por muitos anos a avaliação e entrega do Prêmio Roquette Pinto, a mais importante láurea da televisão e do rádio de São Paulo . Ele próprio recebeu o prêmio por 7 vezes consecutivas, de 1958 a 1964, quando lhe foi entregue o Roquette de Ouro. Urbano Reis também dirigiu a AFEU - Associação dos Funcionários das Emissoras Unidas[nota 1].
Na década de 1960 foi Vereador da cidade de São Paulo eleito pelo PR, e Deputado Estadual de seu estado natal, SP, pela antiga ARENA[1][3].



FOFOCA x AS TRÊS PENEIRAS

FOFOCA X AS 3 PENEIRAS
Comentar sobre o mundo e as pessoas é normal e muitos fazem isso. Fazer "fofoca" é diferente: é comentar com maledicência, maldade, ironia, acidez, descaso, raiva, preconceito... Nesta vida já vivi muito e já vi muita coisa boa e coisas que me chocaram. Mas percebo que só faz fofoca contra o outro quem não é consciente, quem não está feliz consigo mesmo, quem está inundado de problemas internos e fala maledicências do outro pra ignorar as próprias dúvidas, os próprios deslizes, a própria sombra. Por isso que vira e mexe eu divulgo o texto sobre as três peneiras. Muito bom relembrar! anaveetmaya
AS TRÊS PENEIRAS
Um rapaz procurou Sócrates e disse-lhe que precisava contar-lhe algo sobre alguém.
Sócrates ergueu os olhos do livro que estava lendo e perguntou:
- O que você vai me contar já passou pelas três peneiras?
- Três peneiras? - indagou o rapaz
.- Sim! A primeira peneira é a VERDADE.
O que você quer me contar dos outros é um fato? Caso tenha ouvido falar, a coisa deve morrer aqui mesmo. Suponhamos que seja verdade.
Deve, então, passar pela segunda peneira: a BONDADE.
O que você vai contar é uma coisa boa? Ajuda a construir ou destruir o caminho, a fama do próximo?
Se o que você quer contar é verdade e é coisa boa, deverá passar ainda pela terceira peneira: a NECESSIDADE. Convém contar? Resolve alguma coisa? Ajuda a comunidade? Pode melhorar o planeta?
Arremata Sócrates:- Se passou pelas três peneiras, conte! Tanto eu, como você e seu irmão iremos nos beneficiar.Caso contrário, esqueça e enterre tudo. Será uma fofoca a menos para envenenar o ambiente e fomentar a discórdia entre irmãos, colegas do planet.
Sócrates

16 April 2017

BOA PÁSCOA

Presto muita atenção naquilo que meus amigos e as pessoas que admiro falam, ensinam ou compartilham.Não dá tempo pra gente aprender tudo, saber tudo o que quer sozinho. Assim, é maravilhoso podermos aprender com os outros, especialmente, com os que valorizamos e confiamos. Manter a mente e o coração abertos para o novo é a primeira condição e qualidade dos que querem aprender. Através dá amiga Mirna Grzich  conheci o maestro Áurio Corrá. E hoje ao acordar a primeira coisa que ouvi foi a indicação dele, o Padre Nuestro en Arameo , versão original Daniela de Mari. Meu coração se enterneceu, minha pele se arrepiou e minha alma agradeceu  Isso é vida. Isso é renovação, transformação, renascimento. E é isso que desejo a todos vocês queridos amigos: que todos os dias sejam dias de renascer.
BOM DIA.
BOM DOMINGO e muito amor para todos.
Meu presente segue na indicação de AURIO CORRÁ.

15 April 2017

SALMO 23

A oração, não basta você repeti-la sem sentir.
Faça a sua oração com fé.
Eleve seu pensamento a Deus e "sinta dentro do coração" cada palavra que pronunciar.
A oração é a forma de nos dirigirmos ao Pai Celestial.
Através dela somos muito abençoados!
E imediatamente, a força se renova e uma paz nos cobre.




Sugiro estudarmos os SALMOS DE DAVI!
Para cada situação do nosso cotidiano, há um SALMO mais que apropriado que nos dará força, acalmará nosso coração e nos motivará a continuar trabalhando!

Fiz uma pesquisa sobre os salmos e gostei muito do que encontrei neste blog: http://diferentementenemtanto.blogspot.com.br/2010/07/salmos-para-que-serve-cada-um.html

Eu amo o Salmo 23 em especial. Ele me dá muita força e me levanta.

Assim, compartilho com você.
Quem sabe possa te ajudar também?
Abraços e excelente sábado de aleluia a todos!
São Paulo, 15 de abril de 2017.
anaveetmaya

EU OBSERVO A MIM MESMA

ALELUIA!

Neste exato momento a natureza acorda, acordam passarinhos e todas as espécies sobre a Terra.
Mais uma noite termina, um dia amanhece e com ele novas possibilidades!
Roda a Terra a nos mostrar que o movimento existe sim, nada está parado. Há ritmo! E há esperança!
Um novo dia, uma nova possibilidade de aprender algo novo que vai fazer a diferença, nos tornar mais conscientes e felizes.
Muitos estão nascendo e outros partindo para a pátria espiritual.
Esse breve hiato, essa curta respiração a que chamamos de VIDA, é muito significativa.
Aqui e agora, muitos despertam alegres, saudáveis e cheios de energia.
Outros despertam chorando, sofridos, aos som de bombas e muita tristeza.
Vários nem dormiram, insones, atônitos pelas mudanças que questionam e não aceitam e pensam, pensam, pensam...
Você, meu amigo querido que neste exato instante se pergunta qual o por quê da sua dor e seu sofrimento, livre-se um pouquinho da sua dúvida, da sua questão, respire fundo, fundo e saiba: TUDO VAI PASSAR!
Tudo já está certo, do jeitinho que está.
Não está nada errado. Nada.
Há lições e ensinamentos em todas as provas, mas há mudança e crescimento.
Tenha fé e esperança.
Aleluia vida, amigos, aleluia a este dia que nos permite tentar acertar mais uma vez.
Telefone para aquele familiar ou amigo com quem brigou no passado.
Coloque sua roupa mais bonita.
Passe seu melhor perfume.
Abrace quem estiver ao seu lado.
Abrace o seu filhinho de patas.
Sorria olhando o céu.
Se você está preso na agonia de dores e doenças, na cama, sem poder sair de casa, faça uma prece. Agradeça porque está conseguindo passar com nota dez nos testes da vida.
Prossiga com fé.
Sorria.
Recebe meu abraço apertado e solidário.
Recebe meu amor.
ALELUIA!
anaveetmaya

















12 April 2017

BOA NOITE

Daqui a pouquinho nossos olhos se fecharão mais uma vez para o lado de cá e quiçá possamos mergulhar em outras paragens verdes, amenas, onde o sol seja manso e onde os habitantes sejam sempre gentis... Com um sopro, a vela se apaga por hoje... que os anjos velem nosso sono e nos guiem pelas veredas do bem!
BOA NOITE!

5 April 2017

NOVA TURMA PRA VOCÊ FALAR BEM

Olá amigos!
Desde 2003 meu amigo Marco Antonio Abreu e eu ministramos o workshop de comunicação que criamos, o PRA VOCÊ FALAR BEM.
São três sábados de encontro, cinco horas por sábado, num total de 15h nas quais você falará, será filmado, analisado, conhecerá um pouco mais sobre si mesmo, sua marca pessoal e seus bloqueios, aprendendo técnicas que o ajudarão a sair da saia justa pra falar em público.
A próxima turma iniciará dia 20 de maio.
Inscreva-se : cursos@cameracao.com








31 March 2017

MEU CAMINHO É CADA MANHÃ

"Quem sou eu" é sempre uma grande pergunta pra gente se fazer.
Na infância, seguimos as regras ditadas pela família.
Depois, vem o tempo de aprender o beabá e passamos a seguir as regras ditadas pela escola.
Vamos nos relacionando, admirando pessoas, criando heróis e heroínas imaginários e buscando mais uma vez copiar padrões.
Mais que copiar, passamos às vezes uma vida inteira, tentando nos adequar aos padrões e expectativas dos outros.
Afinal, se não andarmos de acordo com as regras sociais, ficaremos à margem, quem sabe seremos excluídos?
Ao longo da vida me deparei com pessoas que pareciam ser naturalmente incluídas, sem fazer esforço.
Tinha aquela que era muito bonita. 
Tinha a que dava a melhor cortada no vôlei.
E tinha o garoto que usava aparelho e que só tirava nota dez.
Tinha uma que namorava todos e que beijava bem.
E tinha o amigo com espinhas no rosto e que dominava as rebeliões do fundão...
Eu era a tímida e estudiosa. 
Escrevia bem, desenhava bem, era uma cdf.
Não porque quisesse ser.
Mas porque gostava de estudar.
Mas sempre gostei muito de ousar e contestar.
Agradeço aos meus pais que me deixavam pintar os móveis de madeira da sala, as paredes e as minhas camisetas, num tempo em que ninguém usava nada pintado.
E agradeço a professores como a Eunice que dava aulas para surdos e mudos, a professora Hebe do curso normal, que me mostraram que ser diferente fazia a diferença.
Como professora incentivo a criatividade e a autenticidade.
Mas gosto de avisar que quando assumimos o nosso jeito único de pensar, nem sempre trilharemos um caminho cheio de amigos ou seremos muito populares e aceitos na sociedade...
E hoje, se algum aluno me perguntar se me arrependo por ter trilhado caminhos pessoais, sem nunca me preocupar tanto com aquilo que os outros iriam pensar de mim, posso responder calmamente que não me arrependo de nada.
Mas posso também confessar que ser autêntico e ousar dar sua própria opinião que é muito diferente de todas as opiniões das pessoas que estão ao seu redor, faz você ficar sozinho um montão de vezes.,,
Mas a vantagem da se ficar sozinho pra defender um ponto de vista, é que a gente se sente mais livre e mais pleno...
Não precisamos sempre concordar. Nem discordar só pra ser do contra...
Basta que sejamos honestos, desprendidos e sem medo de assumir aquilo que acreditamos ser a verdade...
A experiência vem com a caminhada...
Meu caminho é toda manhã...
E você, querido leitor?
Como tem sido o seu caminho?
anaveetmaya

1 February 2017

A TROCA

Troco
Um ponto final
pela reticências.
Uma metáfora
por um pleonasmo.
Cansa-me muito
os dois pontos
e as interrogações.
Uso a vírgula.
Respiro
e continuo.
Subordinada,
só a oração.
Exclamo!
Gosto do teatro.
E troco
o adjetivo
pela substância.
A conjunção
pelo advérbio de intensidade.
E o dicionário
Por quem usar bem
A língua.
(anaveetmaya)

A BENÇÃO

Os pássaros voam
e buscam proteção.
Nuances escuras
já se estampam 
no céu poente.
É a noite
que chega insólita
e empurra o dia
para outro lugar...
Um silencio curto
se estabelece.
Um olhar maroto
aplaude a luz
da lua que surge
e radiante
abençoa os sonhos
dos amantes
e dos poetas.
anaveetmaya

29 January 2017

A BRISA

A brisa leve da tarde
enfureceu-se.
Acinzentou o céu
Cutucou a nuvem
Que se derramou feroz.
E os cabelos se despentearam
E a plantação se perdeu.
E a inspiração mofou.
E todo o entorno
Se pintou de cinza.
O amor, com medo,
se escondeu...
E a Terra aguarda
melhores dias
Com cheiro e cores
E tons de primavera.
(anaveetmaya)

18 December 2016

EU SOU

por anaveetmaya

Nada me detém
Sou suave como a seresta
e  abrupto como um trovão...
Se quiser te acaricio
Te afago e dou a mão.
Te ajudo a se recuperar
Ou te derrubo e sacudo as poeiras
Eu sou invisível
Mas posso me colorir com a terra
Sou cultuado
Amado e temido
Respeitado
e saudado pelos deuses
Sou cantado em canções
E inspiro marinheiros
Sou do céu, sou da terra
 Eu sou o ar
Sou bendito, sou certeiro!
Eu sou canto
Sou lamento
Sou verão
E sou inverno
Eu sou o vento
Trago em mim
a paz da terra
E também
a luz do inferno...

SIM OU NÃO?

por anaveetmaya

Aos papais e mamães de primeira viagem, deixo aqui a dica: - pratiquem  falar  não.
O não precisa ser não MESMO!
Não dá pra ser não agora e sim mais tarde...
E o sim precisa ser sim!
Muitos pais falam não, mas não conseguem perseverar, desistem... 
Ficam cansados pela birra da criança e cedem... 
Falar e manter um não é muito difícil.
Cuidado!
Não fale não para as coisas que você sabe que daqui a pouco consentirá e falará sim...
Porque é  bem mais fácil falar sim.
Falamos o sim e plim! Mágica! Somos bonzinhos, legais, modernos, amigos e teremos bem menos trabalho agora.
Mas é que quando papais e mamães falam só sim, não adianta... Mais dia, menos dia, a vida vai falar não...
Falando não, evitamos criar nossos filhos muito mimados, alheios e fora da realidade...
Quando nós só falamos sim, nós os estragamos... 
Criamos gente egoísta, egocêntrica, sem noção do que é compartilhar, sem noção de mundo, da diversidade, de que devemos respeitar limites, conviver...
Falar não é mesmo muito difícil...
Porque falar não somente não basta.
Tem que haver fundamento, base, uma  explicação para o não. 
E mais que explicação, ela precisa ser coerente!
E os papais não tem tempo...
Não tem energia...
Não tem perseverança...
Sentem-se cansados... com preguiça...
Falar não dá muito trabalho...
Então, é mais fácil falar sim...
E aí, de sim em sim, a criança não aprende a realidade do mundo e da vida...
Pense agora o que deseja de melhor para seu filho.
Pense, amadureça, saboreie...
Sim ou não?
Você é o responsável pela escolha e pelo exemplo que dá ao seu filho.

Boa sorte na escolha!
anaveetmaya

12 December 2016

ORAÇÃO

Senhor, ajudai-nos!
A falar menos. 
Ouvir mais. 
Julgar menos. 
Colocarmo-nos no lugar do outro... 
Nunca nos sentir o "rei da cocada"...
Enxergar, respeitar, não criticar e aprender com a diversidade!
Saber que ninguém é melhor e nem pior que ninguém.
Agradecer. Agradecer. Agradecer.
Porque a gratidão sincera é uma prática que nos aproxima do Nirvana.
E sobretudo, afastai de nós a preguiça, o estado de acomodação e negligência!
Que jamais façamos um gesto ou falemos uma palavra que vise maltratar, maldizer ou tirar proveito do outro.
Amém
( Por anaveetmaya)


5 December 2016

AMAR É GOSTOSO

por anaveetmaya
Liberdade é gostoso de sentir e viver.
O amor verdadeiro sempre confia e impulsiona o vôo. Nunca reprime.
Vamos eliminar nosso sentimento de posse. 
E conseguimos fazer isso quando prestamos mais atenção em nós mesmos. 
Aprendemos a nos tratar bem, a sermos justos conosco... 
O amor próprio é a base da construção de um bom relacionamento a dois. 
E o amor verdadeiro não precisa de sacrifícios de nenhum dos lados... 
Ele acontece naturalmente. Sem jogos. Sem planejamento... Apenas acontece e vai se desenvolvendo um dia por vez...
Experimente!


22 November 2016

SERMÃO? EU NÃO!

Resultado de imagem para blá blá blápor ANAVEETMAYA

Ainda pequena, não gostava de ir à missa. Sentia calor, não gostava do cheiro das velas queimando e detestava o sermão do padre porque eu não entendia nada.                                  
Foi quando fiquei mocinha que conheci o Padre José Maria na comunidade JOVENS DO AMOR TOTAL da Paróquia da Igreja Nova da Penha, que aprendi a gostar dos sermões. A palavra do querido e saudoso Zé Maria, falava ao nosso coração, a gente o compreendia, seu sorriso era bondoso, sua voz macia e sincera.

Quando minha mãe me dava sermões, sempre a mesma ladainha ... O que ela dizia me irritava.
Mas quando minha avó me dava um sermão, eu a ouvia mais. Ela não gritava comigo. Sua voz era calma embora enérgica. Ela olhava para mim nos olhos e dizia: - Vamos! Mais escuro que a meia-noite nunca fica.

Dona Leda da escola primária tinha uma régua imensa com a qual ameaçava os alunos que conversavam. Já Dona Joaninha, a todos conquistava com seu sorriso amoroso e palavra gentil.

Analisando várias ocorrências do passado, percebo que aprendi mais com o carinho e a gentileza, do que com a força, o grito e/ou a agressão.

Só que para falar calmo, precisamos ter auto-controle... 
Nós precisamos estar bem equilibrados para conseguir nos colocar no lugar do outro... 
Às vezes, deixar passar aquele momento de fúria e conversar depois, de maneira mais efetiva e simples, mas assertiva e calma.

Quando você quiser passar um ensinamento para seu filho, seu aluno, seja quem for, siga algumas dicas:
- Escolha o momento certo

- Não seja repetitivo. Fale com clareza, objetividade e rapidez. Frases mais curtas são melhor compreendidas.

- Coloque-se no lugar do outro. Primeiramente entenda o porquê ele agiu daquela forma. Não compare o outro com você... Cada um tem sua maturidade.

-  Fale calmamente, com voz branda e firme, sempre olhando nos olhos.

- Se o ouvinte for uma criança, ou abaixe-se para ficar da altura dela, ou pegue-a no colo.

- Não queira impor o seu pensamento, o seu raciocínio. Tente entender a lógica do outro e respeite-o também.

- Reflita sobre sua vida, sobre o seu tempo, sobre o mundo globalizado... Perceba se você tem acompanhado as mudanças, se você está atento às novas linguagens ou se está ultrapassado. A evolução e o aprimoramento são muito necessários pra todos nós.

- Não se estenda! Fale pouco. Observe a reação do seu ouvinte. Não adianta continuar falando se ele já parou de ouvi-lo.

- Sobretudo, SEJA SEMPRE AMOROSO. O amor é a melhor ferramenta da comunicação.

Pratique e boa sorte!                                                                                        
Beijos da anaveetmaya

18 November 2016

AMAR É

Amar quem é bonzinho, evoluído e doce, é fácil. 
Amar os iguais, é fácil. 
Amar o belo e o bom, é fácil... 
Amar o que é gostoso, ė fácil. 
Amar os companheiros de ideais, é fácil. 
Mas amar os diferentes, amar os inimigos, os antagonistas, os que nos maltratam, perdoar os nossos algozes, esse é o amor sublime. 
anaveetmaya 
#conscienciapraticaesuperação

OS ANIMAIS SÃO NOSSOS PROTETORES FIÉIS

"...embora nasçamos sós e iremos partir sós, não precisamos viver sempre sós. A convivência é sábia mestra. Aprendemos a amar mais, amor puro, sem esperar retribuição. Os animais são nossos protetores fiéis. A alegria doce e pura que esquenta nosso coração e nosso cotidiano. UM estímulo que nos faz querer viver e praticar o bem. Nossos animaizinhos são nossos anjos da guarda materializados. Antenas que nos protegem de energias nefastas. A presença do Deus vivo no nosso lar. Com certeza, convivendo com os animais, aprendo e expando minha consciência, entendo melhor meu lugar neste mundo." anaveetmaya


ADOTE UM ANIMAL

PERDÃO, EU ERREI

Booooom dia queridos! Pensando... 
Nós julgamos o tempo todo, mas bem que poderíamos deixar uma fresta para o benefício da dúvida... né não? 
Uma pessoa erra de um jeito aos dezoito, pode errar menos aos trinta e deixar de errar daquele jeito aos cinquenta... Num pode? 
Todos nós nos transformamos (tomara!) para melhor sempre (espero!). 
Acredito nessa possibilidade e invisto nisso comigo e com o outro. 
Penso que podemos praticar o perdão. Que tal ? 
Dar uma nova chance a nós mesmos e conhecer o outro de uma nova forma, usando a lente do amor fraterno? 
São Chiquinho ensinou que é perdoando que se é perdoado... 
Vamos? 
anaveetmaya

9 November 2016

TUDO É DIREÇÃO

O problema maior no mundo é a falta de amor e de respeito.
Direita, esquerda, tudo é direção.
A doença vem com a perda do equilíbrio, com os exageros, com o orgulho e os fanatismos.
anaveetmaya
http://anaveetmaya.blogspot.com.br/

8 October 2016

A LAVA

A lava 
explode.
Escorre.
Desordenada,
mente...
Finge
Que não vê
o estrago
que faz.
E tranquila
mente.
Finge
ser só bela
e quente.
Mente.
anaveetmaya

30 August 2016

PÁGINA PRA VOCÊ FALAR BEM NO FACEBOOK


Olá amigos!
Convido a todos a acompanhar no Facebook a página PRA VOCÊ FALAR BEM.

https://www.facebook.com/PRA-VOC%C3%8A-FALAR-BEM-272353308694/

Lá vocês encontrarão dicas para uma melhor qualidade de vida e boa comunicação.
Grande abraço a todos e vamos respirar!
;)
anaveetmaya

8 July 2016

VAN GOGH

Van Gogh é considerado um dos pioneiros estabelecedores da ligação entre as tendências impressionistas e as aspiraçõesmodernistas, sendo a sua influência reconhecida em variadas frentes da arte do século XIX, como por exemplo oexpressionismo, o fauvismo e o abstracionismo. Sua fama póstuma cresceu especialmente após a exibição das suas telas em Paris, em 17 de março de 1901. Com uma vasta obra, o artista é considerado um dos mais importantes da história. Em sua homenagem, foi fundado o Museu Van Gogh, em Amsterdã, dedicado à difusão de seu legado.

20 June 2016

PONTE DO ARCO ÍRIS

A Ponte do Arco Íris 

Bem do ladinho do céu tem um lugar chamado Ponte do Arco Íris.

Quando morre um animal que foi especial para alguém daqui, esse animal vai para Ponte do Arco Íris. 
Lá existem riachos e colinas para que todos os nossos amigos possam correr e brincar juntos . 
Tem muita comida, água e sol, e nossos amigos estão quentinhos e confortáveis. .

Todos os animais que estavam velhos e doentes voltaram a ter vigor e saúde; aqueles que estavam machucados ou aleijados estão inteiros e fortes novamente, exatamente como nas nossas lembranças dos tempos que já se foram. 
Os animais estão felizes e contentes, exceto por uma coisinha: cada um deles sente falta de alguém muito especial , que teve que ficar para trás.

Todos correm e brincam juntos, mas chega o dia quando um subitamente para e olha para longe. Seus olhos brilhantes estão atentos; seu corpo treme de ansiedade. De repente ele começa a correr para longe do grupo, voando sobre o gramado verde, suas pernas indo mais e mais rápido.

Você foi avistado, e quando você e o seu amigo finalmente se encontram, vocês se abraçam numa reunião feliz, para nunca serem separados novamente. Os beijos alegres chovem sobre o seu rosto; suas mãos afagam de novo a cabeça amada, e você pode olhar mais uma vez nos olhos confiantes do seu amigo, ausentes há tanto tempo da sua vida mas nunca longe do seu coração.

Aí vocês cruzam juntos a Ponte do Arco Íris....

Autor desconhecido...








10 May 2016

NÓS OS PERDIDOS

TEXTO DE IVAN MARTINS
Gente envolvida com a espiritualidade oriental tem uma palavra bonita para falar de si mesmo. Eles se descrevem como buscadores – pessoas que procuram respostas para as angústias da existência através da contemplação. Os buscadores podem ser religiosos ou laicos, mas todos exibem a disposição de encarar a vida como uma jornada de transformação pessoal e compreensão do mundo. Essa jornada, invariavelmente, começa no momento em que cada um deles se descobre perdido. Considerando o quanto essa experiênciaé frequente, somos um planeta repleto de buscadores em potencial.
Sem a necessidade de consultar estatísticas, eu aposto que a maior tribo do mundo é formada por gente que está na vida sem ter noção do que fazer com ela ou consigo mesmo. São os perdidos. Eles podem ter rotinas, hábitos, obrigações e distrações, mas o senso de propósito e direção está ausente. Vivem um dia depois do outro e às vezes parecem avançar decididamente em alguma direção, mas é melhor não perguntar por quê. A pessoa pode desabar no choro. Quem é assim - ou está assim - tem sentimentos dolorosos e confusos.
Se essa descrição parece dolorosamente familiar, não se envergonhe: o mundo está cheio de gente como você, ainda que passem o dia fingindo que sabem para onde vão. Eu, por exemplo, me sinto perdido várias vezes por semana, e tudo indica que sou uma pessoa normal. Estar perdido ou sentir-se perdido parece ser parte da condição humana. Ninguém escapa.
Isso não quer dizer que seja gostoso. Todos se lembram da sensação infantil de soltar-se da mão da mãe na multidão. É horrível. Estar perdido na vida adulta pode reviver a mesma aflição. A gente olha em volta e não sabe para onde prosseguir. Não sabe nem para onde quer ir. Não há ninguém capaz de nos acolher e orientar. A confusão é assustadora e pode durar um tempo enorme. Ao contrário das crianças, os adultos não choram pedindo ajuda. E, mesmo quando o fazem, outros adultos não vêm correndo para abraçar e socorrer. Sentir-se sozinho parece ser parte inseparável da sensação de estar perdido.
Ainda bem que não é o fim do mundo. Embora o mundo adore os práticos e trate melhor quem avança em linha reta, a falta de rumo pode ser apaixonante. Seres humanos perdidos costumam ser transparentes e sinceros, além de surpreendentes. A fragilidade da sua condição lhes confere uma espécie de humanidade explícita, que pode ser muito sedutora. Se a pessoa não tem um plano detalhado para a própria vida, está aberta a grandes e pequenas aventuras. Pode viajar, pode se apaixonar, pode mudar de ideia radicalmente. Pode jogar tudo para o ar e começar do zero – em outro país, em outra companhia, em outra profissão, em outro plano.
Mesmo os moderadamente perdidos costumam ser mais interessantes do que os que andam pela vida com GPS ligado. Esses, francamente, costumam ser chatos, enquanto as pessoas que sofrem, hesitam e se confundem são capazes de despertar compaixão e empatia. É mais fácil amá-las – eu acho - porque a gente se percebe nelas. Elas verbalizam os medos que os outros escondem e fazem perguntas a si mesmas que os demais têm vergonha de fazer. Eu sou feliz? Eu tenha certeza? É realmente isso que eu desejo?
Quando a gente se envolve com gente assim, é convidado a entrar num mundo que sacode e suspira, e que, frequentemente, tem os olhos cheios de lágrimas. Nele há longas conversas noturnas, sexo intenso e necessidade de abraçar e cuidar. Existe também o risco de que amanhã cedo sua pessoa perdida se levante e anuncie a partida, movida por uma inquietação aguda e inefável que exige apenas uma coisa: mudança. O que se pode fazer?
Tudo isso parece levemente insano, mas, num mundo estropiado como é o nosso, os perdidos podem estar certos. Como é possível ter clareza e direção em meio ao caos que nos circunda, lendo as coisas assustadoras que lemos nos jornais? Talvez haja algo de errado com quem não sente estar perdido e simplesmente avança, como se o mundo não estivesse chacoalhando ao nosso redor. Os que têm certeza talvez sejam os esquisitos.
Isso nos traz naturalmente de volta aos buscadores. Num mundo de mentiras e autoengano, eles são de alguma forma especiais, porque admitem estar sem rumo e desorientados. Fazem disso a sua plataforma de largada. É provável que, assim como o resto de nós, eles não cheguem a lugar nenhum - mas ao menos terão tentado. Não é certo que a vida faça sentido e que haja nela algum propósito além do que o dia a dia nos apresenta. Mas tampouco é certo que seja apenas isso. Talvez a vida seja aquilo que a gente escolhe fazer dela: um bolinho de arroz, um filho de cabelos crespos, um beijo no escuro da barricada.